Repara-me Isto

4 tipos de acabamentos na pintura de interiores

4 tipos de acabamentos na pintura de interiores

Quando decidimos pintar as nossas paredes da casa, costumamos focar-nos apenas na cor que desejamos. Mas tão importante quanto a cor, é escolher o acabamento certo para cada utilização.

Conheça com mais detalhe os 4 tipos de acabamentos na pintura de interiores.

Acabamento Brilhante (ou de Alto Brilho)

As tintas de acabamento brilhante, por vezes chamadas de esmaltes, têm uma aparência altamente reflexiva. É o tipo de acabamento mais durável e resistente a manchas e oferece também uma grande facilidade de limpeza.

O acabamento brilhante é ideal para áreas muito movimentadas. A sua utilização é mais frequente em cozinhas, casas de banho, gabinetes, corrimões e esquadrias interiores.

O seu efeito reflexivo poderá não ser o ideal se a superfície não for bem preparada e tiver algumas imperfeições, já que tende a realçar estes defeitos.

Acabamento Semibrilhante

O acabamento semibrilhante é o ideal para acabamentos duráveis e menos brilhantes. Tem uma boa resistência a manchas e oferece facilidade de limpeza.

É o acabamento ideal para paredes ou madeiras sujeitas ao desgaste, como cozinhas, casas de banho, corredores e quartos de crianças.

Acabamento Acetinado

A tinta com acabamento acetinado tem um brilho entre o semibrilho e o mate, ou seja, tem apenas ligeiros reflexos, muito discretos.

Este acabamento é uma ótima solução para áreas onde se pretende um brilho discreto, com boas propriedades de limpeza. É adequado para halls, salas e esquadrias.

Acabamento Mate (ou Fosco)

As tintas mate não são reflexivas nem têm brilho.

Em relação a outros tipos, a tinta fosca tente a esconder melhor algumas imperfeições e irregularidades.

A remoção de manchas não é tão fácil quanto noutros acabamentos, embora já existam tintas formuladas especialmente para facilitar a remoção da sujidade.

Qual o custo do serviço de pintura de interiores?

O custo do serviço de pintura depende de diversos elementos, como o estado geral das superfícies (se necessitam de reparações), a área a pintar e a cor a aplicar. Por exemplo: se queremos pintar de branco uma parede vermelha, o número de demãos e o consumo de tinta será muito superior ao de fazer o oposto.

O acabamento das superfícies depende da mão-de-obra e dos materiais. Por isso mesmo, na Repara-me Isto, os serviços de pintura são realizados por profissionais devidamente qualificados e as tintas e ferramentas utilizadas são de elevada qualidade.

Caso necessite na nossa ajuda, não hesite em contactar-nos.